Feira reúne afroempreendedores no Pelourinho

Foto: Divulgação

Nos próximos dias 16, 17 e 19 deste mês, a Feira de Afroempreendedores 2018 reúne gestores de 20 negócios no largo Quincas Berro D’Água, no Pelourinho, das 11h às 21h. A inciativa é resultado da capacitação promovida pela Sociedade Protetora dos Desvalidos (SPD) e Instituto Alvorada– mantenedora do bloco Alvorada– ao longo de seis meses. A entrada é gratuita para visitação dos stands com produtos nas áreas de moda, artesanato, gastronomia e serviços, além de shows com grupos de samba a partir das 18h (sexta e sábado) e às 17h (domingo).

As aulas do curso gratuito de empreendedorismo ocorreram na sede da SPD e contemplaram a formação empresarial englobando planejamento, gestão, marketing, negócios e inovação até a exposição ao mercado visando a viabilidade dos negócios. Além de visitas técnicas para conhecimento da estrutura técnica e administrativa de empreendimentos consolidados – como a que ocorreu na estamparia do bloco Cortejo Afro– intercaladas com as aulas teóricas e consultoria para oferecer os participantes do projeto uma capacitação e orientação personalizadas.



Dentre as empresas que participam da feira estão: Cris e Rose, Candaces Moda Afro, Blackpim, Delícias da Safira, grife de roupas Sankofa Ágbára Dúdù. E, no sábado, a abertura do evento contará com desfile dos produtos dos negócios que integram o projeto, às 16h.

Durante o evento, as noites serão animadas por grupos de samba. Lu Santana e Negros de Fé com participação de Arnaldo (Samba de Cozinha) são as atrações da estreia. Partido Popular com participação de Marco Poca Olho (Samba Tororó) garantem a samba de roda do sábado e a programação será encerrada com Relicário Samba Meu com participação de Aloísio Menezes, no domingo, e Bambeia com participação de Valdélio França.

A proposta era oferecer para as empresas lideradas por negros obtenham a qualificação necessária para competir na realidade do mercado. A formação foi voltada para empreendimentos liderados por mulheres ou jovens da capital baiana. A seleção dos empreendimentos consistiu nas etapas de pré-seleção e entrevista considerando critérios como capacidade de inovação, diversidade de gênero e étnico-racial, ter mulheres e jovens (18 a 29 anos) como sócios, viabilidade técnica e impacto social.

O projeto foi contemplado pelo Edital da Década Afrodescendente da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi) e a feira é pautada nas recomendações da Década Estadual dos Afrodescendentes– no eixo desenvolvimento– de melhoria dos processos de produção e comercialização de produtos e serviços liderados por negros.

O Edital da Década Afrodescendente tem como objetivo a redução das vulnerabilidades sociais e econômicas da população negra, principalmente dos segmentos de povos e comunidades tradicionais, juventude e mulheres negras. Os projetos, que contam com investimento de aproximadamente R$ 2 milhões, serão executados em datas emblemáticas do calendário da luta racial, ao longo do ano, a exemplo do Julho das Pretas, Agosto da Igualdade e Novembro Negro.

A relação com fomento do empreendedorismo remonta ao surgimento da SPD que é a primeira organização civil negra do Brasil. Formalizada em 1832, a APD – Sociedade de Previdência, Assistência Social, Pecúlio e Fomento Econômico e Social nasceu com o propósito de comprar alforria e custear a capacitação profissional de ex-escravos, para casos de invalidez, além de oferecer amparo à família dos que morriam.

SERVIÇO
O que: Feira de Afroempreendedores 2018
Quando: 16, 17 e 18 de novembro, das 11h às 21h
Quanto: gratuito
Onde: Largo Quincas Berro D’Água, Pelourinho

Programação de shows
Sexta-feira, 16 de novembro
18h – Lu Santana
19h – Negros de Fé com participação de Arnaldo (Samba de Cozinha)
Sábado, 17 de novembro
18h – Partido Popular com participação de Marco Poca Olho (Samba Tororó)
Domingo, 18 de novembro
17h – Relicário Samba Meu com participação de Aloísio Menezes
19h – Bambeia com participação de Valdélio França

Comente

Be the first to comment on "Feira reúne afroempreendedores no Pelourinho"

Deixe uma resposta