Detran propõe incluir trânsito no currículo escolar

Foto: ASCOM/Detran

A Escola Pública do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) reuniu no último final de semana, estudantes, docentes e gestores escolares no Colégio Estadual Rômulo Almeida, em Salvador, para o I Encontro Estudantil sobre Trânsito. O projeto, fruto de uma parceria entre o órgão, a Secretaria da Educação do Estado e a Fundação Instituto Miguel Calmon de Estudos Sociais e Econômicos (Imic), teve como objetivo discutir a elaboração de uma proposta coletiva de inclusão do eixo curricular ‘Trânsito na Escola’, na rede pública de ensino. 


Vitor Gonçalves, 17 anos, estudante do Colégio Estadual Dalva Matos, no Lobato, participou de palestras e oficinas pedagógicas durante todo o dia. O jovem concluiu recentemente a formação como multiplicador de boas práticas no trânsito e fez questão de se juntar aos outros alunos durante o encontro e relatar uma experiência de vida. “Fiz o curso e compreendo a importância do trânsito para salvar vidas, por isso vim aqui dar a minha contribuição. Eu perdi uma prima em um acidente de moto e se ela soubesse o que hoje eu sei, estaria viva e bem”, disse. 


Para o diretor de Educação e Segurança para o Trânsito do Detran, Carlos Moura, incluir o trânsito na escola desde o ensino fundamental é essencial para garantir a segurança nas vias. “Os acidentes de trânsito levam a uma ocupação de 60% dos leitos de UTI´s em hospitais. As consequências destes acidentes levam a uma morte a cada 13 minutos. Falar de trânsito é falar de vida, por isso, todos os cidadãos, independente da idade, precisam ter um comportamento responsável”, pontuou. O Encontro Estudantil faz parte do projeto Trânsito Cidadão, que já atendeu mais de 170 mil estudantes de 500 unidades escolares em todo o estado.

Comente

Be the first to comment on "Detran propõe incluir trânsito no currículo escolar"

Deixe uma resposta