Camaçari: vereadores aprovam pedido de criação da Casa de Acolhimento à Mulher

Foto: ASCOM/CMC

A preocupação com o atendimento à mulher vítima de algum tipo de violência segue na prioridade do Legislativo camaçariense. Uma mostra disso é a aprovação, na Sessão Ordinária desta terça-feira (30/10), da Indicação Nº 808/2018, que aponta a necessidade urgente da implantação da Casa de Acolhimento à Mulher.

De autoria do vereador Binho do Dois de Julho (PC do B), a matéria recebeu apoio dos demais parlamentares. “Infelizmente ainda é grande o número de casos de violência contra a mulher. Precisamos ter no município um local que ofereça o atendimento adequado para acolhê-las nesses momentos de dificuldade”, afirmou.

Ainda na sessão, foi apresentado o Projeto de Lei Nº 037/2018, de autoria do vereador Gilvan Souza (PR), que pretende estabelecer a proibição das queimadas em vias públicas, nos imóveis urbanos e nas áreas litorâneas do município.

“Queimadas em área urbana já são totalmente nocivas à saúde da população, imagine em Áreas de Proteção Ambiental – APAs. Além de ser crime ambiental, também podem causar acidentes automobilísticos, no caso de áreas próximas às rodovias. Precisamos estabelecer punições para que essas queimadas intencionais sejam punidas”, defendeu o parlamentar.

O Projeto de Lei segue para análise nas Comissões Legislativas, que emitirão parecer favorável ou contrário. Em seguida, a matéria retorna ao plenário para votação em dois turnos. 

Comente

Be the first to comment on "Camaçari: vereadores aprovam pedido de criação da Casa de Acolhimento à Mulher"

Deixe uma resposta