Instituto Mídia Étnica e Vale do Dendê lançam 2ª edição da Ocupação Afro.Futurista

Evento que tem se firmado como referência no processo de democratização do acesso à tecnologia e de promoção da cultura da inovação, a Ocupação Afro.Futurista chega a sua segunda edição ainda maior. Desta vez, além de Salvador a iniciativa será realizada em outros dois importantes municípios baianos: Seabra e Irecê.

Focada na cultura maker, empreendedorismo, economia criativa e tecnologia, a Ocupação, que terá início em Salvador no próximo dia 09 de outubro, vem coroar as ações da Holding Social Vale do Dendê e do Instituto Mídia Étnica (IME), que agora tem à frente da diretoria executiva a publicitária Luciane Neves. “A ocupação é a realização da segunda edição de um evento que aproxima os negrxs da tecnologia em grandes espaços de circulação”, pontua.

A Ocupação Afro.Futurista terá um amplo line up de atrações (shows, workshops, palestras, laboratório de Realidade Virtual e feira maker) e para celebrar a importância do Estado no contexto da diáspora africana, na América Latina, o festival terá como fio condutor o mote “Wakanda é Bahia”, numa referência à cidade high-tech no coração do continente negro, mostrada no filme Pantera Negra.

“Apesar de ser um movimento que data da década de 1960, o afrofuturismo ganhou escala planetária no início deste ano, graças ao sucesso do filme e o aumento da discussão sobre a presença negra na área de tecnologia”, destaca Paulo Rogério Nunes, cofundador da Holding Social Vale do Dendê que, ao lado do Instituto Mídia Étnica (IME), comanda a Ocupação.

Outra preocupação dos organizadores da Ocupação é com relação ao uso da tecnologia como elemento de promoção da cidadania participativa, da melhoria da qualidade de vida e da resolução de problemas comunitários. Este desafio será encarado pelos jovens que participarão das três edições da Maratona de Tecnologia e Inovação Afro.Futurista. “Em cada uma das cidades vamos privilegiar temas da pauta local como mote para os desafios que serão apresentados aos jovens”, explica Luciane Neves, diretora-executiva do IME.

A edição de 2018 da Ocupação Afro.Futurista conta com o apoio financeiro da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi-BA), através do Edital Década Estadual de Afrodescendentes, e o suporte institucional de diversas empresas e entidades.

SERVIÇO:

Ocupação Afro.Futurista
Período: de 9 a 20 de outubro
Locais: Salvador (Estação Nova Lapa, de 9 a 11 de outubro), Seabra (Campus da Uneb, nos dias 15 e 16) e Irecê (Campus do IFBA, nos dias 19 e 20)
Realização: Holding Social Vale do Dendê e Instituto Mídia Étnica (IME)
Informações: www.valedodende.org/ocupacao

Comente

Be the first to comment on "Instituto Mídia Étnica e Vale do Dendê lançam 2ª edição da Ocupação Afro.Futurista"

Deixe uma resposta