Zé Ronaldo diz que vai instalar hospital Regional em Jacobina

Foto: Divulgação

Em visita às cidades de Antônio Gonçalves, Pindobaçu, Saúde, Caldeirão Grande, Caém e Jacobina, no centro-norte do estado, o candidato da coligação Coragem para Mudar a Bahia, Zé Ronaldo (DEM), prometeu que vai implantar na região um hospital regional para devolver à população os leitos do SUS. De acordo com o candidato, o centro-norte tinha uma unidade de saúde de alta complexidade, mas foi fechada em 2013, pelo governo do Partido dos Trabalhadores (PT), prejudicando e dificultando o atendimento dos pacientes.

“Quase 2 mil leitos do SUS foram fechados em oito anos na Bahia. É inaceitável o descaso do PT com a saúde pública. As pessoas estão morrendo e, ao invés de abrirem hospitais e ampliarem o atendimento, eles fecham leitos”, informa Zé Ronaldo, acrescentando que, diariamente, aproximadamente 1.300 pessoas aguardam na fila da regulação, chamada de fila da morte. “Eu irei acabar com isso. Vou instalar 11 Centrais Regionais de Regulação e ampliar o número de leitos. A região do centro-norte terá um hospital de alta complexidade”, assegurou Zé Ronaldo. 

Com o fechamento do antigo hospital, 18 municípios foram afetados. “Dói muito ver os parentes aguardando uma transferência para Salvador. O pior de tudo é que já estão sofrendo, acamados, e ainda têm que se deslocar para a capital, numa ambulância em péssimo estado. Além disso, a espera pela transferência parece não ter fim. É um desprezo total!”, disse Antônio Silva, 35, trabalhador do campo. 

Zé Ronaldo concluiu a agenda da sexta-feira na cidade de Jacobina, ao lado do prefeito Luciano da Locar, do vice-prefeito Cleriston Alves, dos candidatos ao Senado, Jutahy Magalhães Júnior e Irmão Lázaro, dos candidatos a deputado federal Elmar Nascimento, José Carlos Aleluia e Luciano Araújo, onde participou de uma grande carreata e bateu um papo com centenas de lideranças, no Clube 2 de Janeiro.

Comente

Be the first to comment on "Zé Ronaldo diz que vai instalar hospital Regional em Jacobina"

Deixe uma resposta