“Estamos agora entre os piores estados do Brasil em competitividade”, diz Zé Ronaldo

Foto: Divulgação

O candidato Zé Ronaldo (DEM) comentou neste sábado (15) a queda de duas posições da Bahia no Ranking de Competitividade dos Estados de 2018, divulgado ontem, em São Paulo, pelo Centro de Liderança Pública, em parceria com a Tendências Consultoria Integrada e Economist Intelligence Unit.

“Caímos para a vigésima segunda colocação, e estamos à frente apenas do Acre, Amapá, Maranhão, Pará e Sergipe”, lamentou Zé Ronaldo. “A gestão de 12 anos do PT colocou a Bahia entre os piores estados do Brasil”.

A UF que mais apresentou evolução este ano foi Alagoas. Dos dez pilares avaliados, a gestão alagoana apresentou melhora em oito, o que fez com o Estado subisse oito posições no ranking geral. Além de ser o mais bem colocado em Solidez Fiscal, Alagoas também melhorou o seu desempenho em Segurança Pública, subindo sete posições, Sustentabilidade Ambiental (+5), Educação (+4) e Sustentabilidade Social (+4). Esta melhora explica o seu desempenho no ranking geral.

Os estados são avaliados sob a ótica de 10 pilares, Sustentabilidade Ambiental, Capital Humano, Educação, Eficiência da Máquina Pública, Infraestrutura, Inovação, Potencial de Mercado, Solidez Fiscal, Segurança Pública e Sustentabilidade Social. Cada um baseado em 68 indicadores distribuídos entre eles. 

Comente

Be the first to comment on "“Estamos agora entre os piores estados do Brasil em competitividade”, diz Zé Ronaldo"

Deixe uma resposta