Lauro de Freitas: vereadores querem metrô até Portão

Foto: Divulgação

A chegada do Metrô a Lauro de Freitas, com a inauguração da estação Aeroporto, e a necessidade da expansão da linha 2 até a antiga Insinuante e Portão foi o principal tema da sessão desta quarta-feira (2) na Câmara Municipal. A presidenta da Casa, Naide Brito, apresentou Moção de Congratulação à prefeita Moema Gramacho pela inauguração da estação.

A exemplo de Naide Brito, os parlamentares que se pronunciaram sobre o tema, Roque Fagundes, Antonio Rosalvo e Fausto Franco, elogiaram Moema, o ex-governador Jaques Wagner, o governador Rui Costa e lembraram o papel importante dos então secretário de Planejamento Zezéu Ribeiro e vice-prefeito de Salvador Edvaldo Brito.

“O Metrô é uma conquista de Moema, iniciada com Wagner e concretizada por Rui Costa”, disse Roque. Rosalvo também lembrou o papel do ex-governador e ressaltou que o próximo passo é a estação da Insinuante. Fausto parabenizou Wagner e Moema por terem dado dignidade à população.

Para Naide, “com a estação Aeroporto dentro de Lauro de Freitas, o Metrô é uma realidade metropolitana e coroa a luta da gestão Moema Gramacho, mas essa luta não para até que ele se estenda à Insinuante e Portão”.

Produção legislativa
Foram apresentadas 23 Matérias de autoria parlamentar, sendo dez Requerimentos, o mesmo número de Indicação, dois Projetos de Lei do Legislativo e uma Moção de Congratulação.

Entre os Projetos de Lei, um torna de utilidade pública municipal a Associação Vinde a Mim, autoria do vereador Augusto César, outro renova a utilidade pública da Associação de São Norberto, autoria de Naide Brito.

Fausto Franco requereu à prefeita um Projeto de Lei estabelecendo princípios e diretrizes para a implantação da Política de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva, com o objetivo de assegurar o acesso, a permanência, a participação plena e a aprendizagem de crianças, adolescentes, jovens e adultos com deficiência, Transtornos Globais do Desenvolvimento (TGD) e altas habilidades nas unidades educacionais e espaços educativos da Secretaria de Educação.

O vereador Coca Branco requereu que a prefeita convide a Comissão Parlamentar de Educação e demais vereadores para deliberar conjuntamente com o grupo de trabalho Inter setorial que irá definir “proposta de uso do espaço das unidades escolares nos finais de semana”, conforme estabelece portaria da Secretaria de Educação.

Curtas da sessão
Os limites territoriais entre Lauro de Freitas e Salvador foi outro tema abordado pelos parlamentares. Para Roque Fagundes, o ex-prefeito Marcio Araponga fez uma lambança e cometeu uma irresponsabilidade ao liberar para a capital áreas historicamente ligadas a Lauro. O vereador Augusto César lamentou que depois de 40 anos a área da Quinta Portuguesa foi disponibilizada para Salvador, atendendo a interesses imobiliários.

A vereadora Luciana Tavares requer intervenções de emergência para a compra de ventiladores, bebedouros e manutenção da rede elétrica da escola Lagoa dos Patos e indica concerto na rede esgoto, saneamento básico, limpeza e recapeamento na Rua da Paz, em Portão.

O vereador Augusto César requer a revitalização das praças de lazer dos condomínios Dona Lindú, Brisas, Quinta da Glória e Santa Rita.

A desobstrução da Rua José Sobrinho, ligação direta com a Avenida São Cristóvão e o retorno do ponto de táxi, no Largo do Caranguejo, foi requerida pela vereadora Débora Régis.

Roque Fagundes pediu a reserva do Plenário da Câmara para uma sessão especial sobre Hipnose e os benefícios para a saúde e indicou a construção de uma Praça de lazer no Parque São Paulo.

Naide Brito também pediu reserva do Plenário para uma sessão especial da Defensoria Pública sobre “Conferências Públicas de Orçamento Participativo 2019” e indicou providências para implantar drenagem pluvial na Rua Ubirajara Rosas, no Loteamento Jardim Metrópole (Itinga).

O vereador Edivaldo Palhaço requer informações da Secretaria de Infraestrutura, referentes às obras iniciadas na Avenida José Leite, no Caji.

A vereadora Débora Régis indica de forma reiterada o tratamento e canalização da rede de esgoto despejada no Canal do Horto e a instalação de refletores no campo esportivo da comunidade, em Itinga.

Coca Branco indica estudos de viabilização da Escola de Preparação e Aprimoramento Técnico para o Servidor Público Municipal.

Fausto Franco indicou à prefeita entendimentos com o TRE para a construção de um fórum eleitoral na cidade.

O vereador Edílson Ferreira apresentou à prefeita sugestão de Projeto de Lei sobre o controle da venda de ácidos a pessoas físicas.

O vereador Tito Coelho indicou a retomada das obras de pavimentação e asfaltamento das Ruas Manuel Vicente e Maria Helena Miranda.

O vereador Valmir Sodré indicou a adoção de providências para a execução de serviços de infraestrutura e asfaltamento na Rua Bom Jesus da Lapa, no Caji.

Comente

Be the first to comment on "Lauro de Freitas: vereadores querem metrô até Portão"

Deixe uma resposta