Deputado entra de sola e cobra agilidade nas investigações contra ACM Neto

Foto? Divulgação

“A gente sabe a velocidade da Justiça no Brasil para se investigar crimes da elite”. A declaração (irônica) é do deputado federal Jorge Solla (PT) em seu pronunciamento no Congresso Nacional, nesta quinta-feira (9), ao citar a demora na investigação sobre a denúncia de pagamento, via caixa dois, de R$ 1.8 milhão, da Odebrecht para ACM Neto, em sua campanha eleitoral. A denúncia apareceu na delação do dirigente da empresa, Sr. André Vital, na Operação Lava Jato.

Aperte o play e veja a badogada:


Comente

Faça sua doação!

Be the first to comment on "Deputado entra de sola e cobra agilidade nas investigações contra ACM Neto"

Deixe uma resposta