O rastreamento do câncer de mama começa segunda-feira em Igrapiúna

Foto: Divulgação

Cerca de 538 mulheres, na faixa etária de 50 a 69 anos, do município de Igrapiúna, na região de Valença, estão aptas a realizar mamografia, exame que detecta precocemente o câncer de mama. Para isto, no período de 30 de outubro a 3 de novembro, a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) estará presente no município, com a ação itinerante do Saúde sem Fronteiras Rastreamento do Câncer de Mama.

Para serem atendidas, as candidatas à realização do exame devem levar um documento de identidade, o Cartão do SUS e o comprovante de residência. O exame é realizado em uma unidade móvel, que estará estacionada na Praça Marco Zero, no Centro da cidade, ao lado da delegacia. O atendimento será feito das 7h às 18h.

Para as mulheres com diagnóstico positivo, o tratamento cirúrgico, quimioterápico ou radioterápico, será realizado em unidades de alta complexidade em oncologia. Este programa é uma ferramenta de acesso da mulher às ações de prevenção, diagnóstico e tratamento do câncer de mama.

O Saúde sem Fronteiras é um programa do Governo do Estado, viabilizado através da Sesab, que tem como diferencial o acompanhamento das mulheres com mamografias inconclusivas, com a oferta de exames complementares para o diagnóstico e o encaminhamento ao tratamento, visando a integralidade do atendimento.

Comente

Be the first to comment on "O rastreamento do câncer de mama começa segunda-feira em Igrapiúna"

Deixe uma resposta