Enquanto Elinaldo gasta dinheiro com “fardamento”, demitidos da STT continuam sem receber pagamento

Foto: Gilliard Sanso

O prefeito de Camaçari Elinaldo Araújo (DEM) era apenas sorriso ao apresentar o novo uniforme da Superintendência de Trânsito e Transporte (STT), nesta quinta-feira (23). Porém, quem não tem motivos para sorrir são os demitidos de STT, que na próxima semana completarão dois meses sem receber os direitos trabalhistas. Além da rescisão, os servidores da STT tiveram a folha fechada no dia 20 de dezembro, trabalharam até 10 de janeiro e foram demitidos sem receber os dias trabalhados.

O atraso não se deve à falta de dinheiro, uma vez que até a hora extra dos servidores que irão trabalhar no Carnaval já foi pago, antecipadamente. Além disso, de acordo com o Diário Oficial, a STT já fez aquisição de material de limpeza, material de escritório, cones e fitas zebradas e bancou até mesmo viagem para Brasília do Diretor Superintendente de Trânsito e Transporte de Camaçari, Armando Yokoshiro Filho, juntamente com o Assessor Técnico Chefe Jeimerson Felipe. 

Questionado pelo Badogada sobre o pagamento dos funcionários exonerados, o chefe de gabinete da STT, Cleiton S. Pereira, preferiu ficar em silêncio e não dar nenhuma satisfação aos ex-servidores.

Fotos: Reprodução/Facebook

Comente

Be the first to comment on "Enquanto Elinaldo gasta dinheiro com “fardamento”, demitidos da STT continuam sem receber pagamento"

Deixe uma resposta