Elinaldo reconhece que deixou de atender o povo depois que virou prefeito

Foto: Reprodução/TV Câmara

O prefeito Elinaldo Araújo (DEM) reconheceu que após assumir a Prefeitura de Camaçari deixou de atender a população. Em seu discurso realizado na manhã desta quinta-feira (16), durante a abertura dos trabalhos legislativos na Câmara de Vereadores, o prefeito revelou que sentiu as badogadas e irá mudar a sua forma de governar.


“Segunda, quarta e sexta estarei cuidando da gestão. Terça e quinta meu gabinete será nas ruas, ouvindo o povo, a partir de abril”, pontuou Elinaldo ao avisar que “contratações na Prefeitura de Camaçari só a partir de abril” e “não poderá empregar nem 10% das pessoas que o tem procurando pedindo emprego”.

Elinaldo fez questão de dedicar atenção especial aos vereadores da bancada de oposição, porém o tom descontraído que buscou empregar ao se referir aos oposicionistas parece que não convenceu, a tirar pelo semblante e a reação dos vereadores. O prefeito de Camaçari comentou ainda que a população sofrerá ainda mais “situações difíceis” devido a crise por que passa o país e a “herança maldita” que recebeu de Ademar Delgado.

Relação com a imprensa e a oposição
Durante o seu discurso, Elinaldo comentou ainda que é natural existir oposição na Câmara de Vereadores ao seu governo, assim como na imprensa de Camaçari.

“Eu quero pedir a imprensa, se o nosso governo errar, denuncie, noticie. A imprensa é o quarto poder e ela cumpre um papel importante na cidade. Já orientei minha equipe a ouvir, dialogar e acolher as críticas da oposição e da imprensa para melhorarmos a gestão”, finalizou.

Comente

2 Comments on "Elinaldo reconhece que deixou de atender o povo depois que virou prefeito"

  1. Por que cortou o videos esse site não mostra a verdade e comprado por caetano

  2. Carlos Lima o vídeo está disponível e rodando normal em meu PC ,seu flash player deve está desatualizado ou “deu pau”…igual ao governo de Elinaldo, tá precisando de um up-grade…rsrsrs

Deixe uma resposta