Após “bafafá”, Debinha resolve impasse na coordenação LGBTTs da Prefeitura de Lauro de Freitas

Foto: Divulgação

Após o quiproquó na Secretaria Municipal de Juventude, Igualdade Racial e Políticas Afirmativas, que está sob o comando do filho do deputado estadual, Manassés (PSL), que resultou no protesto dos movimentos LGBTTs, no município, sobre a indicação de Sandra Ronconi para assumir a coordenação de políticas públicas para o segmento, quem saiu fortalecida foi a vereadora Débora Regis (Debinha).

Debinha (PSL) “comprou a briga” do movimento LGBTTs, interna e externamente, e auxiliou na solução para o impasse político na base da prefeita Moema Gramacho (PT). O “bafafá” começou quando o filho de Manassés, o secretário municipal de Juventude, Igualdade Racial e Políticas Afirmativas nomeou Sandra, que não tem nenhuma legitimidade junto à comunidade LGBT no município.

Foto: Divulgação

Após reunião com membros do segmento, a vereadora Débora Regis apaziguou os ânimos e indicou para a coordenação Jackson Félix e Deivison Antunes, que são “filhos da terra” e representantes da cultura e da arte do município.

Comente

Be the first to comment on "Após “bafafá”, Debinha resolve impasse na coordenação LGBTTs da Prefeitura de Lauro de Freitas"

Deixe uma resposta