Empresa do filho de Paulo Souto deixa de recolher o lixo em algumas localidades de Camaçari

Apesar da Prefeitura de Camaçari afirmar que já recolheu mais de 156 toneladas de lixo na sede e na orla do município, moradores de diversos bairros da cidade enviaram fotos do lixo que ainda não foi recolhido pela Naturalle Tratamento de Residuos Ltda, empresa que pertence ao filho do ex-governador Paulo Souto, que é do mesmo partido de Elinaldo.

Os moradores do loteamento Fonte das Águas, em Arembepe, por exemplo, ficaram sem coleta de lixo e mandaram fotos para o Badogada. 

Segundo a Prefeitura, na orla, cinco carros compactadores fizeram a limpeza em Arembepe, Catu de Abrantes, Guarajuba e Itacimirim, porém as ruas continuam sujas. Leitores do Badogada enviaram fotos que mostram a situação crítica do lixo provocada pela Prefeitura de Camaçari também em Barra do Pojuca e outros bairros da sede.

Veja:

Cronograma da coleta de lixo
De acordo com o prefeito Elinaldo “a expectativa é de que até esse fim de semana a gente consiga coletar todo o lixo que deixou de ser recolhido”.

A previsão é coletar nove mil toneladas/mês de lixo com trabalho feito em jornada de 24 horas por várias turmas da empresa de coleta, do filho do ex-governador Paulo Souto, que venceu um contrato emergencial misterioso.

O contrato, de 90 dias, custará R$ 5,8 milhões mensalmente, e prevê entre outros serviços, a coleta de resíduos domiciliares, coleta seletiva, varrição, limpeza mecanizada de praia, capinação mecanizada de vias públicas, lavagem de vias públicas, operação de aterro sanitário, coleta de resíduos de construção e roçagem.

Comente

Be the first to comment on "Empresa do filho de Paulo Souto deixa de recolher o lixo em algumas localidades de Camaçari"

Deixe uma resposta