“Elinaldo colocou “time azul” na reserva e convocou forasteiros para governar Camaçari”, dispara Caetano

“Não é possível que não exista nenhum nome do “time azul” com capacidade para assumir uma secretaria. Convocar gente de fora é o mesmo que dar um tapa na cara do pessoal dele. Tem secretário que Elinaldo anunciou que ele nem conhece pessoalmente”.  A alfinetada é do deputado federal, Luiz Caetano (PT), ao avaliar os primeiros passos do prefeito (marionete) Elinaldo Araújo.

“Elinaldo colocou o “time azul” na reserva e convocou uma equipe de forasteiros para administrar Camaçari”, ironizou.

Na avaliação do deputado federal, ao trazer um secretariado de fora, além de não prestigiar e valorizar as lideranças locais, na prática a gestão de Elinaldo (comandada por Helder) implica que as empresas contratadas para executar os serviços públicos serão de fora do município, ou seja “não vai aquecer a economia local, valorizar os empresários e os empregos não serão assumidos por nossa gente. Não vai ter espaço para o povo de Camaçari na gestão dele (Elinaldo)”, prevê.

Para Caetano, a máscara de Elinaldo já começou a cair, pois “foi eleito com um discurso – de parceiro do povo – e na prática tem descartado aqueles que o apoiaram, a exemplo da composição do seu secretariado”. Na opinião do parlamentar, fica cada dia mais claro o que ele denunciou durante a campanha eleitoral:

“Nós alertamos a aliança entre Ademar e o DEM, prova disso foi a indicação de Elias Natan para secretário da Saúde e Jailce Andrade para assumir um cargo em Simões Filho, a mando do deputado federal Paulo Azi. Elinaldo ficará feito um bobo, assistindo Helder e Tude mandarem na Prefeitura”, comentou.

Resultado das eleições
Na avaliação de Caetano, que saiu derrotado do pleito eleitoral, “nós não perdemos as eleições, nós deixamos de ganhá-la. Nós não perdemos nada porque acreditamos e defendemos um projeto. Agora, uma nova etapa se inicia; faremos oposição ao governo com responsabilidade e iremos fiscalizar cada passo do DEM em nossa cidade”, anunciou.

À sua base aliada, o parlamentou orientou que o momento é de voltar para os bairros, para as associações e os movimentos sociais para fortalecer o diálogo com a sociedade. “Não podemos ficar com o pensamento de que o povo de Camaçari nos traiu. O povo de Camaçari é que foi traído pelo time azul. Agora, mais do que nunca, com essa gestão que será um desastre, Camaçari vai precisar de cada um de nós”, sinalizou.

Saída do PT e Lula 2018
O deputado federal Luiz Caetano negou que irá deixar o PT. Apesar da derrota da legenda na Bahia e no Brasil, Caetano diz que a missão agora é de refundar o PT, por meio de uma Frente Ampla de Esquerda. “O PT precisa fazer uma autocrítica radical e mudar suas práticas”, disse.

Agora, o foco, segundo o parlamentar é trabalhar por sua reeleição e pela reeleição do governador Rui Costa, além de eleger mais uma vez Lula presidente do Brasil em 2018. 

Comente

Be the first to comment on "“Elinaldo colocou “time azul” na reserva e convocou forasteiros para governar Camaçari”, dispara Caetano"

Deixe uma resposta