Bahia escapa do aumento de pedágio de rodovias federais

Foto: Divulgação

O estado da Bahia escapou do aumento de pedágio de rodovias federais, autorizado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). Contudo, a comemoração tem data para encerrar, uma vez que a ANTT realiza o reajuste e a revisão das tarifas no aniversário do início da cobrança de pedágio.

Conheça as rodovias federais que terão o valor do pedágio reajustado:

BR-116-PR/SC – A rodovia administrada pela concessionária Autopista Planalto Sul terá sua tarifa de pedágio alterada a partir da zero hora do dia 19/12/2016. O valor para veículos da categoria 1, passa de R$ 4,80 para R$ 5,60 em todas as praças. Veja aqui todas as tarifas reajustadas.

BR-381/MG/SP – Também a partir do dia 19/12, o trecho rodoviário concedido à Autopista Fernão Dias, o valor, para categoria 1, passa de R$ 1,80 para R$ 2,10 em todas as praças. Confira aqui outros valores.
BR-116/SP/PR – Administrada pela concessionária Autopista Régis Bittencourt, a rodovia passa a cobrar novos valores de pedágio a partir do dia 29/12/2016. Para a categoria 1, a tarifa passa de R$ 2,50 para R$ 3,00 em todas as praças. Acesse aqui a tabela completa com os novos valores.

BR-060/153/262/DF/GO/MG – O trecho rodoviário gerenciado pela Concebra terá a tarifa básica de pedágio quilométrica alterada de R$ 0,03175 para R$ 0,03625, com efeitos financeiros a partir da data da próxima revisão ordinária, que será em 27/6/2017. A alteração ocorreu em função da inclusão de custo adicional de manutenção do pavimento no contrato, devido ao aumento do limite de peso bruto transmitido por eixo, previsto na Lei dos Caminhoneiros.

Comente

Be the first to comment on "Bahia escapa do aumento de pedágio de rodovias federais"

Deixe uma resposta